Projeto de Gestão Democrática é aprovado por vereadores de Rosário

Você está aqui

A sessão dessa segunda-feira (07) contou com a presença dos professores da rede municipal de Rosário do Catete. A Categoria se reuniu com todos os vereadores da Casa para ajustar os últimos detalhes do Projeto de Lei nº05/2017, que colocar em vigor a Gestão Democrática das unidades de ensino de toda a comunidade geridas pela Prefeitura. No encontro, representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica do Estado de Sergipe (Sintese) definiram o que foi estabelecido pela categoria em várias reuniões feitas no município.

O projeto está na Casa desde o ano passado, mas não foi votado porque precisou de alguns ajustes para ser apresentado na plenária. “Nós apresentamos a PL e queríamos que fosse votado na íntegra. Mas tivemos que fazer outras reuniões com a classe e, através da Secretaria Municipal de Educação, o encaminhamos à Câmara de Vereadores. O projeto foi feito democraticamente com a participação dos professores e depois de ser aprovado seguirá para o prefeito Etelvino Barreto (DEM) sancionar”, explicou Emanuela Pereira, que junto com a professora Maria Auxiliadora de Santana compõe a coordenação de Formação do Vale do Cotinguiba do Sintese.

O líder da Oposição e presidente da Comissão de Constituição e Justiça, Professor Alex (PT), fez uma breve análise da importância do projeto para o magistério de Rosário do Catete. “Não há, apenas, um herói nesta causa. Foi um projeto feito em conjunto com a presença da classe dos professores, poder Executivo e Legislativo, que ajustou os últimos detalhes que ele realmente fosse vigorado. Depois de várias conversas o projeto foi votado por unanimidade na Câmara, o que prova o nosso compromisso com o desenvolvimento do município”, entende o vereador, lembrando que o PL também passou pelas avaliações das comissões de Educação e Finanças da Câmara.  

Aprovado na Câmara, o PL seguirá para Prefeitura onde será analisado pelo prefeito para ser sancionado. Entrando em vigor, a gestão municipal terá oito meses para fazer os ajustes necessários para que haja eleições diretas para diretores, secretários e coordenadores das escolas municipais, onde pais e estudantes escolherão quem assumirão os cargos no futuro. A meta é que a partir de janeiro de 2019 já se ponha em prática a PL de Gestão Democrática em Rosário do Catete.  


Exportar: CSV | JSON

CÂMARA MUNICIPAL DE ROSÁRIO DO CATETE
Praça Dr. Edélzio Vieira de Melo,443 - - Rosário do Catete/SE - (79)3274-1214 -